Com mercado imobiliário aquecido, loteadoras apostam em lançamentos

Mesmo com as incertezas econômicas mundiais, o mercado imobiliário brasileiro bateu recordes de vendas nos dois últimos anos. De acordo com a Associação de Dirigentes de Empresas do Mercado Imobiliário (Ademi), somente em 2021 o setor movimentou cerca de R$ 11 bilhões em vendas no Brasil, com um Valor Geral de Vendas (VGV) de R$ 99 bilhões. A expectativa para 2022 é de que o volume se mantenha no mesmo patamar.

De olho neste crescimento e após três anos de reestruturação interna e externa, a Cipasa Urbanismo retoma seus lançamentos. O primeiro de quatro produtos programados para este ano será em Porto Velho, capital de Rondônia, com investimento inicial de R$ 20 milhões, de um total de R$ 110 milhões com o desenvolvimento de todas as fases. Outros três estados receberão lançamentos da empresa no segundo semestre de 2022.

A Cipasa Urbanismo já está presente em Porto Velho, com o empreendimento Verana Porto Velho, produto totalmente vendido e com alta disputa por lotes retomados por distratos e retomados. A companhia adquiriu recentemente uma nova área na cidade, onde vai erguer um bairro planejado com 1,6 mil unidades.


O processo de implantação está sendo iniciado com a fase de legalização do empreendimento alinhado junto a Prefeitura local. “O projeto começa com um investimento de R$ 20 milhões nesta fase inicial e vai chegar a R$ 110 milhões em todas as etapas, infraestrutura e obras no entorno do novo bairro”, adianta Rogério Riquelme, diretor da Cipasa Urbanismo, empresa presente com 23 estados brasileiros.

O novo bairro planejado em Porto Velho seguirá os padrões da companhia, privilegiando e preservando grandes áreas verdes, como forma de integração das moradias com o meio ambiente.

Segundo Riquelme, Porto Velho é um marco importante para a companhia. Ele marca a retomada de lançamentos de produtos pela empresa. “Assumimos a nova gestão há três anos e neste período trabalhamos na reestruturação da empresa para essa volta de maneira consistente”, conta.

Além de Porto Velho, a Cipasa Urbanismo já adquiriu áreas em outas cidades brasileiras: Várzea Grande e São Paulo, onde já tem produtos, e no interior de Goiás, estado que abriga a sede da companhia e receberá seu primeiro investimento.

“É o início de uma nova etapa e vamos começar de novo atuar, principalmente, nos estados onde já temos empreendimentos”, completa o diretor.

Outras notícias