Insper e Instituto Veja lançam cursos para qualificar cobertura jornalística

O Insper, uma das principais instituições de ensino superior e pesquisa do Brasil, e o Instituto Veja de Jornalismo, uma iniciativa do Grupo Abril que busca qualificar a cobertura jornalística de temas de impacto no cenário nacional, anunciam uma parceria inédita para oferecer bolsas de estudo em cursos online de educação executiva para jornalistas. O Curso VEJA de Jornalismo Avançado é uma iniciativa sem fins lucrativos e a primeira turma já está com inscrições abertas.

O objetivo central da parceria é ampliar o conhecimento dos jornalistas sobre temas atuais de alta complexidade, com a participação de profissionais renomados no tema. Ao final de cada curso, é realizado um painel de debates com participação de especialistas convidados da área de conhecimento estudada.

“Essa é uma oportunidade única para profissionais da imprensa mergulharem em temas que estão quentes e são essenciais para o debate sobre os rumos do país. É uma grande alegria para nós, do Insper, poder colaborar no desenvolvimento deste que é o primeiro programa de cursos do Instituto Veja”, afirma Natália Mazotte, coordenadora do Núcleo de Jornalismo do Insper,


“O Instituto Veja de Jornalismo nasceu de uma necessidade interna no Grupo Abril em acompanhar o novo momento do jornalismo, que exige cada vez mais a apresentação aprofundada dos temas complexos da atualidade. No Curso Veja, uma parceria com o Insper, vamos destinar 50% das vagas para os profissionais do Grupo Abril, e outras 50% para jornalistas de outros veículos. Todos os aprovados no processo seletivo receberão bolsas de 100%. O financiamento do programa será feito pelo Instituto Veja e patrocinadores parceiros. Nossa principal missão é contribuir cada vez mais para a valorização da notícia com referência científica e factual, fortalecendo, assim, a democracia do nosso país.”, explica Fabio Carvalho, CEO do Grupo Abril e do Instituto Veja de Jornalismo.

Desvendando o orçamento público

O curso “Finanças públicas e gestão fiscal: o que jornalistas precisam saber”, primeiro dos cinco que serão oferecidos pela parceria, pretende delimitar o papel do orçamento público na política fiscal e sua relação com as demais políticas macroeconômicas. As aulas acontecem de 21 de maio a 18 de junho, aos sábados, das 8h30 às 12h30.

Sua estrutura é formada por dois módulos. No primeiro, serão trabalhados conceitos básicos de política fiscal e como ela se relaciona com as demais políticas macroeconômicas. Além de abordar tecnicamente como é medida a dívida pública e quais obrigações o governo deve cumprir para organizar suas receitas e despesas, o curso também vai pautar os principais debates sobre o efeito do gasto público na economia com especialistas convidados.

No segundo módulo, os participantes farão exercícios práticos a partir de matérias jornalísticas e da identificação e sistematização de bases públicas de dados obtidas nas plataformas SIGA Brasil, SIOP, Portal da Transparência e Siconfi. Ao todo, são 20 horas de aulas síncronas e 10 horas de aulas assíncronas.

Processo seletivo:

Etapa 1:

· Inscrição pelo formulário: 4 de abril a 1 de maio.

· Análise curricular e seleção interna: 2 a 6 de maio.

· Divulgação dos participantes selecionados: a partir de 9 de maio via e-mail cadastrado.

Etapa 2:

· Inscrições para matrícula no curso: 10 a 18 de maio

Temas relevantes para o jornalismo atual

Ao longo de 2022, a parceria também oferecerá cursos abordando outros temas de interesse para o debate nacional, tais como:

· Mudanças climáticas e economia carbono zero

· Funcionamento institucional-democrático brasileiro (executivo, legislativo e judiciário)

· Desigualdade, extrema pobreza e sistemas públicos assistenciais

· Mercados de capitais e sistema financeiro nacional

Mais detalhes no site do programa.

Outras notícias