Locadora de equipamentos audiovisuais abre nova unidade em Florianópolis

 Locadora de equipamentos audiovisuais abre nova unidade em Florianópolis

O faturamento bruto do setor de locação de veículos no Brasil avançou 33,5% em 2021, de acordo com o novo Anuário Brasileiro do Setor de Locação de Veículos, produzido pela ABLA (Associação Brasileira das Locadoras de Automóveis), a partir de informações do Serpro (Serviço Federal de Processamento de Dados). Paralelamente, na construção pesada e infraestrutura, a locação atende a um percentual de 30% da necessidade de frota, segundo a Analoc (Associação Brasileira dos Sindicatos e Associações Representantes dos Locadores de Máquinas, Equipamentos e Ferramentas).

Os dados indicam que a locação de equipamentos para atuação profissional tem se tornado uma tendência adotada por empresas de diversos setores, e no segmento audiovisual não seria diferente. Prova disso, uma empresa paulistana investiu na locação de equipamentos profissionais para fotografia e vídeo e acaba de abrir uma segunda unidade no Sul do país.

Em fevereiro de 2022, a Mov Locadora inaugurou uma unidade no Condomínio The Place, no Bairro Trindade, em Florianópolis – a primeira fora de São Paulo. Segundo Leandro Ferreira, CEO e fundador da Mov Locadora, a empresa vem monitorando o mercado audiovisual brasileiro há algum tempo, trabalhando na construção de um plano de expansão a nível nacional.


“Muitos dos nossos clientes, que estão localizados na unidade São Paulo, são da região de Florianópolis e do Sul do Brasil. Um desses clientes é a Monking, agência e produtora de conteúdo localizado na cidade. O contato entre nós e a agência veio se estreitando nos últimos meses, até que nossa parceria culminou na abertura da nova unidade em Floripa, que passa a subsidiar a produção audiovisual profissional na região Sul”, detalha.

O setor audiovisual é composto por uma ampla gama de empresas e profissionais, como filmmakers, fotógrafos e produtoras de foto e vídeo. O mercado corresponde a 1,67% do PIB (Produto Interno Bruto) brasileiro e gera mais de 300 mil empregos diretos e indiretos – um porte comparável às indústrias farmacêutica e têxtil, segundo a Anesp (Associação Nacional dos Especialistas em Políticas Públicas e Gestão Governamental).

“A nova geração não está preocupada em adquirir, mas, sim, em poder ter acesso facilitado a equipamentos de ponta, usando apenas quando precisar. Além disso, com a pandemia, a indústria audiovisual foi impulsionada pela demanda de vídeos e fotos de melhor qualidade”, complementa o empresário.

Locação de equipamentos audiovisuais dispensa altos investimentos

Na visão de Ferreira, por uma série de motivos, pode ser mais interessante para um profissional filmmaker, fotógrafo ou produtora de foto e vídeo alugar do que comprar equipamentos audiovisuais. “Com o aluguel, não é necessário investir altas quantias para adquirir produtos para foto e vídeo. Com cerca de 3% do valor do produto já se tem acesso a recursos de equipamentos de última geração, extraindo deles a máxima qualidade”.

Por isso, para o CEO e fundador da Mov Locadora, locar equipamentos de ponta agrega valor ao trabalho do profissional, deixando clientes mais confiantes e satisfeitos quanto ao resultado final do job. “Economia e acessibilidade estão intimamente atrelados à locação de equipamentos audiovisuais”.

Ferreira afirma que a Mov Locadora tem sido pioneira na disponibilização de serviços ao longo de sua atividade. Reforçando essa inclinação, em breve, a empresa pretende lançar o primeiro programa de assinatura audiovisual do Brasil.

“O objetivo é oferecer a locação de câmeras, lentes e notebooks para edição através de planos semestrais e anuais, o que pode oferecer mais economia e acessibilidade para profissionais de fotografia e vídeo. Para essa iniciativa, estão fechadas duas parcerias exclusivas com as marcas Fujifilm e Avell, com equipamentos de ponta. Esse programa será lançado no próximo mês”, conclui.

Para mais informações, basta acessar: https://www.movlocadora.com.br/

Outras notícias