Aumento no uso de fraldas descartáveis faz crescer quantidade de lixo produzido em Campinas

 Aumento no uso de fraldas descartáveis faz crescer quantidade de lixo produzido em Campinas

Wagner Souza

A produção de lixo em Campinas cresceu muito mais do que a população no ano passado. Enquanto a população cresceu em 0,83%, a quantidade de lixo produzida na cidade saltou 7,6%.

De acordo com a prefeitura, houve um grande aumento no consumo de produtos industrializados embalados e no de fraldas descartáveis, por isso o salto no índice.

As fraldas descartáveis representam 2% de todo o lixo produzido pela cidade e enviado ao aterro. Em todo o país são descartadas um total de 17,6 milhões de fraldas por dia. A decomposição desse material leva 450 anos. É o terceiro maior consumidor de fraldas descartáveis do mundo, perdendo apenas para a China e para os Estados Unidos.


Nos últimos anos houve queda na produção de lixo orgânico de 60% para 40%, já que há menos consumo de comida em casa. Na Europa a participação é de apenas 20% e nos Estados Unidos é menos ainda: 16%.

No ano passado foram produzidos 342,6 mil toneladas de resíduos domésticos em Campinas, além de 114,2 mil toneladas de lixo urbano que será destinado à usina de resíduos verdes para reciclagem e transformação em adubo.

Da Redação ODC.

Outras notícias