Baixa umidade do ar faz Campinas decretar Estado de Atenção

 Baixa umidade do ar faz Campinas decretar Estado de Atenção

Foto: PMC / Carlos Bassan

O município de Campinas está em Estado de Atenção pela baixa Umidade Relativa do Ar (URA). Às 12h20 desta quarta-feira, dia 3 de agosto, o índice atingiu 27,9%, conforme boletim emitido pelo Departamento de Defesa Civil do município, a partir de dado recebido da Estação Ciiagro/IAC Campinas Taquaral Região Leste, responsável pela medição.


O Estado de Atenção é decretado quando a umidade relativa do ar registra índice entre 20% e 30%. Nesse caso, a principal recomendação é consumir muita água e ter cuidado especial com crianças e idosos.

Também é aconselhado que a população evite exercícios físicos ao ar livre, entre 11 e 15 horas e mantenha os ambientes umidificados com vaporizadores, toalhas molhadas ou recipientes com água.

É sugerido aguar os jardins e, sempre que possível, permanecer em locais protegidos do sol, em áreas vegetadas. Outra orientação é evitar queimadas que, além de proibidas por lei, prejudicam o meio ambiente e a saúde.

As informações são da Prefeitura de Campinas.
Leia também: EUA podem enfrentar escassez de 124.000 médicos até 2033

Outras notícias