Campinas chama pessoas com comorbidades para tomar vacina contra gripe nos postos de saúde

 Campinas chama pessoas com comorbidades para tomar vacina contra gripe nos postos de saúde

Balanço da Secretaria Municipal de Saúde aponta que 107.376 pessoas foram imunizadas em Campinas contra a gripe, desde o início da campanha de vacinação, em 12 de abril. A vacina é em dose única e protege contra os vírus H1N1, H3N2 e Influenza B.

A secretaria alerta para a necessidade de os grupos prioritários procurarem os postos de vacinação para prevenção de quadros respiratórios graves que podem evoluir a óbito. A imunização também colabora no diagnóstico diferenciado da Covid-19 e tem reflexo na redução da sobrecarga no sistema de saúde, já impactado pela pandemia do novo coronavírus.

Até a última sexta-feira, 20 de maio, 1.916 puérperas tinham sido vacinadas, o que corresponde a 59,3% de cobertura vacinal, além de 38.245 crianças com idade a partir de 6 meses até cinco anos completos. Nesse grupo, a cobertura vacinal está em 48%.


Entre as gestantes, a cobertura vacinal está em 47,1%, com 5.147 imunizadas, e entre trabalhadores da saúde, a cobertura é de 42,6%, com 5.147 vacinados. O levantamento mostra que 38.407 idosos com 60 anos ou mais receberam a vacina (cobertura de 18,7%) e 2.149 professores (16,1% do público-alvo).

A Secretaria de Saúde alerta que as pessoas devem priorizar a imunização contra a Covid-19, aguardar 14 dias, para só depois se vacinar contra a gripe.

Atualmente na segunda fase, alcançando idosos com 60 anos ou mais e professores, a campanha de vacinação contra a gripe continua aberta ao público-alvo da primeira etapa que ainda não foi imunizado: trabalhadores da Saúde, indígenas, gestantes, puérperas (mulheres com até 45 dias após o parto) e crianças com idade a partir de 6 meses até cinco anos completos.

A terceira etapa terá início em 9 de junho e vai até 9 de julho alcançando pessoas com comorbidades e com deficiência (física, auditiva, visual, intelectual e mental ou múltipla); caminhoneiros, trabalhadores portuários e de transporte coletivo; profissionais das forças armadas, de segurança e salvamento e funcionários do sistema prisional; população privada de liberdade e jovens e adolescentes sob medidas socioeducativas.

Para encontrar o posto de vacinação mais próximo de casa, as pessoas devem acessar o endereço https://zoneamento.campinas.sp.gov.br/saude.php?nome_campanha=Campanha%20Influenza%202021 e informar a localização da residência. Aparecerá uma janela na tela, com informações dos centros mais próximos, horários de vacinação e se possuem ou não vacina. Não é necessário fazer agendamento.

As informações são da Prefeitura de Campinas.
Leia também: De novo: carro faz retorno proibido no Terminal Satélite Íris e ônibus o atinge em cheio

Outras notícias