Campinas pede ao Estado doação de prédio histórico no Centro da cidade

 Campinas pede ao Estado doação de prédio histórico no Centro da cidade

O prefeito de Campinas, Dário Saadi, o vice-prefeito, Wanderley de Almeida, e a secretária de Cultura e de Turismo, Alexandra Caprioli, entregaram nesta sexta-feira, 2 de julho, ao presidente do Conselho do Patrimônio Imobiliário do Governo do Estado de São Paulo, Laércio Paulino Simões, ofício que pede a doação do prédio da antiga Fundição Lidgerwood ao município de Campinas.

“Queremos manifestar oficialmente o interesse do município em manter o prédio e pela continuidade de seu uso como Museu da Cidade. Do ponto de vista cultural e histórico, é importante que esse espaço fique para o município”, disse o prefeito.

O presidente do Conselho do Patrimônio Imobiliário do Governo do Estado de São Paulo, Laércio Paulino Simões, sinalizou de forma positiva o pedido do município. “Vejo com bom grado”, respondeu.


O vice-prefeito Wanderley de Almeida lembrou os trâmites por parte do governo municipal em assegurar o prédio para o município. Em 2017, houve a possibilidade da venda do imóvel anunciada pelo Governo do Estado e sua desvinculação do uso pelo município gerou grande movimentação social e cultural, pela preservação do prédio.

A secretária municipal de Cultura e de Turismo, Alexandra Caprioli, lembrou que o ofício traz o histórico da importância do prédio. Ela disse que o município compromete o uso do prédio para fins culturais. “Além de abrigar o Museu da Cidade, será usado para a realização de oficinas e atividades que envolvam todo o povo campineiro”. Para ela, a doação será um marco para a cultura de Campinas e do Estado de São Paulo.

O diretor de Cultura, Gabriel Rapassi, também lembrou o grande movimento social promovido pela preservação do prédio em 1987: o abraço ao prédio, envolvendo diversos segmentos culturais e sociais bem como intelectuais campineiros que demonstraram como o prédio da Lidgerwood estava intrincado com a identidade da cidade.

Em 1990, o prédio foi tombado pelo Condepacc. “O prédio da Lidgerwood é o símbolo de defesa do patrimônio histórico e cultural da cidade”, ressaltou o diretor de Turismo, Eros Vizel.

O prédio da antiga Fundição Lidgerwood é um patrimônio que marca a história da arquitetura industrial no Estado de São Paulo. É fruto do investimento do ciclo cafeeiro. Sua construção se deu entre 1884 e 1886. A implantação do Museu da Cidade se deu em 1992. Até 2016, o prédio foi dado em cessão de uso pelo Governo do Estado a Campinas. Com o término da cessão, em 2017, o acervo do Museu da Cidade foi transferido para a Casa de Vidro, onde permanece até os dias de hoje.

As informações são da Prefeitura de Campinas
Leia também: Iguatemi Campinas recebe icônico cenário de Friends

Outras notícias

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *