Com praias lotadas, cidades registram cinco mortes por afogamento na Baixada Santista

 Com praias lotadas, cidades registram cinco mortes por afogamento na Baixada Santista

Com as praias abarrotadas de turistas, a quantidade de acidentes também cresceu na mesma proporção. Apenas neste domingo, dia 06/09, cinco pessoas morreram em balneários paulistas.

Três morreram afogados na praia da Enseada, no Guarujá. Todos eram homens e tinham idades de 24, 27 e 60 anos de idade. Em um dos casos não havia monitoramento no momento do afogamento e nos outros dois houve resgate, mas os banhistas não resistiram.

As outras duas mortes, também por afogamento, aconteceram na cidade de Mongaguá. Nesse caso os banhistas ainda não foram identificados pelas autoridades. Um terceiro turista sumiu e ainda não foi localizado.


Aconteceram outros casos também em Itanhaém, onde dois jovens, um de 18 anos e outro de 21, sumiram tempos depois de terem entrado na água e ainda não foram encontrados.

Em Bertioga um banhista teve uma parada cardiorrespiratória, mas foi reanimado a tempo. Em todas as praias da baixada santista, a estimativa total de turistas chega a 1 milhão de pessoas.

Da Redação ODC.
Fonte: G1
Leia também: Greve dos Correios atrasa correspondências e encomendas se acumulam em Campinas

Outras notícias