Como se não bastasse os altos preços da carne bovina, agora é a carne suína que fica mais cara

 Como se não bastasse os altos preços da carne bovina, agora é a carne suína que fica mais cara

Como se não bastasse o preço absurdo da carne bovina, agora é a vez do valor do quilo da carne de porco. O custo de produção teria crescido 38% em um ano.

O valor, que era de R$ 3,90 por quilo, agora está em R$ 5,37 o quilo. O motivo principal seria o alto preço da soja e do milho, principais itens de alientação dos suínos.

A China tem feito grandes compras de milho brasileiro e por isso não está sobrando quase nada para o mercado interno. O preço do pernil no interior paulista está variando entre R$ 17,90 e R$ 23,90.


Já o preço do lombo suíno foi de R$ 19,50 para até R$ 30,50 o quilo. O representante dos criadores de suínos no Brasil já adiantou que os preços deverão continuar altos.

Além da forte demanda interna, o dólar alto contribui para as exportações. Com isso, os produtores estão enchendo os bolsos de dinheiro com as exportações, e deixando os brasileiros à míngua.

Da Redação ODC.
Fonte: Repórter Beto Ribeiro
Leia também: Acidente deixa carro capotado em cruzamento de avenidas no Ouro Verde em Campinas

Outras notícias