Criatividade sem limites: bolachas recheadas com relógios são enviadas a presos de Hortolândia

 Criatividade sem limites: bolachas recheadas com relógios são enviadas a presos de Hortolândia

Continua a sessão de criatividade de amigos e familiares que tentam entregar drogas e aparelhos eletrônicos a detentos dos presídios de Campinas e de Hortolândia.

Em mais uma tentativa de colocar os materiais dentro das unidades prisionais, duas correspondências um tanto quanto curiosas foram interceptadas por agentes penitenciários em Hortolândia.

Desta vez foi encontrado um Smartwatch com uma tela para substituição dentro de bolachas recheadas. Numa outra correspondência foram encontradas balas recheadas com maconha e cocaína. No primeiro caso, a encomenda foi enviada pela avó de um detento.


Além disso foi encontrada uma placa de telefone celular. Todos os materiais foram enviados no nome de um detento da Penitenciária 2. Os materiais foram descobertos na quarta-feira, dia 09/09.

Um procedimento administrativo foi aberto para investigar se os detentos destinatários dos produtos têm algum envolvimento no caso ou se mais alguém participou da ação.

Da Redação ODC.
Fonte: G1
Fonte: G1
Leia também: Especialistas criticam sinalização de obra do BRT onde motociclista morreu em Campinas

Outras notícias