Desconhecido pergunta “quem quer morrer primeiro” e atira contra rapaz sem motivo

     Desconhecido pergunta “quem quer morrer primeiro” e atira contra rapaz sem motivo

    Um desconhecido matou uma pessoa dentro de um bar na cidade do Guarujá na madrugada do último sábado, dia 10/10. De acordo com informações, o homem entrou e perguntou quem seria o primeiro a morrer.

    A vítima fatal foi Leonardo dos Santos Antonio, de 32 anos de idade. De acordo com a Polícia Civil, o atirador já foi identificado e está sendo procurado.


    O caso aconteceu no bar Kairós, localizado na Avenida Dom Pedro. O grupo de amigos chegou no local por volta das 21 horas e sentaram perto do palco.

    Quando chegou por volta da meia-noite, foi solicitado ao garçom que fechasse a conta. No caminho até o caixa, o grupo cumprimentou comerciante conhecido na região, que estava em outra mesa com mais pessoas.

    Uma das pessoas dessa mesa levantou e foi até à porta do banheiro, onde estavam três dos quatro amigos. O atirador perguntou quem ia ser o primeiro a morrer. De acordo com os amigos, a pergunta foi em tom que parecia brincadeira, e ninguém estava entendendo nada.

    O atirador insistiu na pergunta e pediu para que eles decidissem logo quem seria o primeiro a morrer. Nisso, ele sacou uma arma e ficou revezando, apontando para todos.

    Na terceira vez, apontou para o rosto de Leonardo e fez o disparo. A vítima, com um tiro no nariz, abriu os olhos, olhou para os amigos e caiu no chão. Depois disso, o atirador continuou perguntando quem seria o próximo.

    Nesse momento, todos saíram correndo do local. O atirador aproveitou a confusão e fugiu no meio da multidão. De acordo com testemunhas e funcionários do local, o criminoso era cliente recorrente.

    Leonardo chegou a ser socorrido pelo Samu, mas a morte foi constatada ainda no local. Ele trabalhava em Santa Catarina e ia voltar para casa no dia seguinte. O corpo foi encaminhado para o IML de Praia Grande.

    Da Redação ODC.
    Fonte: G1
    Leia também: Jonas Donizette determina 100% dos ônibus nas ruas ao menos nas horas de pico

    Outras notícias