Dois homens são presos por crime ambiental em Campinas

 Dois homens são presos por crime ambiental em Campinas

Por Alenita Ramirez, Colaboração para O ODC

Dois homens foram detidos na tarde desta quinta-feira (13) em Campinas, por crime ambiental.

Eles são funcionários de uma empresa terceirizada que foi contratada pelo proprietário da Instância Santa Isabel, em Sousas, para fazer a retirada de eucalipto da fazenda. Entretanto, durante os trabalhos, os funcionários admitiram que arrancaram várias árvores nativas para facilitar o trabalho deles.


Os homens foram levados para o 12º Distrito Policial (DP), onde prestaram depoimentos e vão responder ao crime em liberdade. Os policiais civis apreenderam duas motosserras.

A Polícia Científica foi acionada no local e constatou o desmatamento. Apesar de não saber quantificar a extensão da mata nativa derrubada, os policiais garantem que é grande o trecho, inclusive com derrubada de árvores de pequeno, médio e grande porte, que estavam próximas ao Rio Atibaia. As madeiras já cortadas estavam empilhadas aguardando carregamento.

Os detidos justificaram que os trabalhos começaram no dia 19 do mês passado e que retiraram as árvores para que os caminhões tratores passassem e também porque os eucaliptos caíram sobre algumas plantações, o que ocasionou a quebra e consequentemente os levou a cortá-las.

O dono da fazenda tem autorização para o corte do eucalipto.

Outras notícias