Emdec abre chamamento para pontos de vendas que queiram participar da Nova Zona Azul

 Emdec abre chamamento para pontos de vendas que queiram participar da Nova Zona Azul

Foto: PMC

Como parte do processo de implantação da Zona Azul Digital em Campinas, a Empresa Municipal de Desenvolvimento de Campinas (Emdec) abriu chamamento público para credenciamento de pontos de venda e ativação de créditos do futuro sistema. Serão selecionados 60 estabelecimentos. As inscrições prosseguem até o dia 23 de fevereiro.


Podem participar do processo de seleção pessoas físicas ou jurídicas que possuam estabelecimento comercial dentro da área de abrangência do Estacionamento Rotativo Pago, nas regiões central e do bairro Guanabara.

Os estabelecimentos que compõem a atual rede credenciada e desejam permanecer atuando na venda dos créditos do estacionamento rotativo também deverão participar do novo credenciamento.

Os 60 pontos de venda credenciados receberão máquinas de cartão portáteis, além de treinamento e suporte da G2 Empreendimentos e Logística Ltda, empresa contratada para fornecer a solução da Zona Azul Digital. Não haverá custo para os credenciados.

A grande novidade do processo se refere ao sistema de repasse, que corresponderá a 10% do valor vendido pelo estabelecimento, descontadas as taxas bancárias. Não haverá nenhum custo de credenciamento ou aquisição dos cartões de estacionamento. Posteriormente à venda dos créditos, o estabelecimento receberá o repasse do percentual.

Inscrições

As inscrições devem ser feitas até o próximo dia 23, na sede da Emdec (Divisão de Compras), localizada na Rua Dr. Salles Oliveira, 1028, na Vila Industrial, das 8h às 12h e das 13h às 17h.

A documentação necessária e demais requisitos para o credenciamento podem ser consultados no site da Emdec (Acesso Direto > Licitações > Agenda de Licitações). As dúvidas devem ser esclarecidas pelos telefones 3772-1585 ou 3772-1588.

Após o preenchimento dos 60 pontos credenciados, os demais interessados irão compor uma lista de espera para repor eventuais desistências ou integrar a rede em caso de aumento da área de abrangência do estacionamento rotativo.

As informações são da Prefeitura de Campinas.
Leia também: ‘Fevereiro Laranja’: leucemias são como atropelamentos, possuem tratamento e cura

Outras notícias