Emdec fazem reanálise de tempo dos semáforos da Avenida John Boyd Dunlop em Campinas

 Emdec fazem reanálise de tempo dos semáforos da Avenida John Boyd Dunlop em Campinas

Com o intuito de ampliar a segurança dos pedestres na Avenida John Boyd Dunlop (JBD), a Secretaria de Transportes (Setransp) e a Empresa Municipal de Desenvolvimento de Campinas (Emdec) iniciaram uma operação de análise dos tempos semafóricos em 42 travessias do eixo. A ação se estende até a próxima semana e compreende o trecho entre a Praça Santa Catarina (Vila Teixeira) e a altura da Rua Edson Luiz Rigonatto (Parque Itajaí).

Técnicos da Emdec simulam e cronometram a travessia. Para avaliar se o tempo está adequado, são consideradas a distância percorrida, a demanda de pedestres e o volume de tráfego. Quando necessários, os ajustes são feitos no próprio local, por meio dos controladores eletrônicos.

“O monitoramento semafórico é uma ação permanente realizada pela Setransp / Emdec, neste momento intensificada na Avenida John Boyd Dunlop, com o propósito de prevenir acidentes e preservar vidas no trânsito”, detalha o secretário de Transportes, Vinicius Riverete.


O presidente da Emdec, Ayrton Camargo e Silva, enfatiza que “o nosso compromisso e missão é garantir segurança ao pedestre, usando as tecnologias com eficiência. Essa ação é complementar às abordagens educativas que vêm ocorrendo no eixo da JBD, voltada a pedestres, motociclistas e motoristas”.

Como resultado parcial da ação, três pontos tiveram o tempo de travessia ampliado, ou seja, cerca de 7% do total de 42 cruzamentos. No Jardim Aurélia, os equipamentos foram ajustados no período das 6h às 14h, na altura da Avenida Império do Sol Nascente, próximo ao Atacadão, e na altura do Shopping Unimart. No Parque Itajaí, foi ampliado o tempo de travessia no cruzamento da Av. JBD com a Rua Cláudio Delfino, na altura da Praça da Concórdia.

As 42 travessias que já contam com equipamentos para pedestres representam 84% dos 50 cruzamentos semaforizados existentes no trecho. Outros três pontos da avenida devem receber semáforos para pedestres.

O cruzamento da JBD com a Avenida Brasília é um dos locais a serem contemplados, no conjunto das obras do BRT Campo Grande. Semáforos para pedestres e ciclistas serão ativados, conectando à ciclovia Opasa. No último dia 15 de junho, novos semáforos foram implantados no acesso da Av. JBD ao Jardim Nova Esperança, incluindo equipamentos para travessia de pedestres, na altura das vias Benedito Franco e Padre Ezequiel Ramin.

O monitoramento da operação dos semáforos em Campinas é realizado de forma permanente pela Setransp / Emdec. “A programação semafórica é muito dinâmica. Atualmente, vivemos um momento atípico. A pandemia teve como consequência o registro de horários de pico diferentes dos convencionais, mais concentrados; e isso impacta na circulação”, explica o presidente da Emdec.

Ações educativas prosseguem

Em outra frente de atuação, a Setransp / Emdec realizam uma série de ações educativas e de reforço da fiscalização de trânsito em todo o eixo da Avenida JBD, como forma de coibir situações de desrespeito às leis de trânsito e prevenir acidentes. Agentes da Mobilidade Urbana e educadores observam condutas de risco e reforçam os comportamentos de prevenção aos acidentes de trânsito junto aos motoristas, motociclistas e pedestres.

Dezesseis pontos da avenida recebem as ações conjuntas até o dia 18 de junho, nos horários de pico, incluindo estações e terminais, que compõem o Corredor BRT Campo Grande.

Confira os próximos pontos que receberão as abordagens:

17/06: Estação BRT Rossin e Terminal BRT Campo Grande
18/06: Estação BRT Aurélia e Praça da Concórdia

Após o cumprimento do cronograma inicial, será realizada uma análise dos resultados, que determinará o foco das próximas ações educativas.

As informações são da Prefeitura de Campinas.
Leia também: Manter o orçamento em dia descomplica a vida financeira

Outras notícias