Emdec registra menos lentidão na Aquidabã depois da abertura de terceira faixa

 Emdec registra menos lentidão na Aquidabã depois da abertura de terceira faixa

Foto: PMC

A Empresa Municipal de Desenvolvimento de Campinas (Emdec) registrou menos ocorrências de lentidão de trânsito na Via Expressa Waldemar Paschoal, conhecida como Via Aquidaban, após a implantação da terceira faixa de rolamento no trecho entre as ruas Dr. Quirino e Coronel Quirino, no sentido Bosque. As obras de abertura da faixa foram realizadas entre os dias 4 e 14 de abril.

Nos horários de pico da manhã, havia, em média, cerca de um quilômetro de lentidão. Os motoristas levavam de três a quatro minutos para cumprir o percurso. Depois da ampliação, estima-se que esse deslocamento seja feito em aproximadamente um minuto, em condições normais e desconsiderando os tempos dos semáforos.

Entre 27 de março e 2 de abril, antes da implantação da terceira faixa, foram registradas lentidões que somaram 4,55 km de extensão, no sentido Bosque. Já na última semana de abril, entre os dias 24 e 30, foi totalizado 1,7 km de trânsito lento. Ou seja, uma queda de 62,6%, comparando as duas semanas. Os dados consideram as semanas completas, sendo uma imediatamente anterior à implantação da terceira faixa e a outra após, excetuando as semanas com feriados prolongados.


A terceira faixa da Waldemar Paschoal está interligada à terceira faixa da Rua General Marcondes Salgado, que recebe o trânsito das avenidas das Amoreiras, Prefeito Faria Lima e Prestes Maia.

O fluxo de veículos e a segurança viária também melhoraram com o fechamento do acesso da Coronel Quirino à General Marcondes Salgado.

Faixa reversível

Na sexta-feira (13/05), das 6h30 às 8h, a Emdec realizou uma operação experimental de faixa reversível no trecho da Coronel Quirino entre a Avenida Dr. Moraes Salles e a General Marcondes Salgado, também para melhorar o trânsito na região.

Os motoristas que chegavam pela Waldemar Paschoal com destino à Dr. Moraes Salles podiam permanecer à esquerda e seguir pela faixa esquerda da Coronel Quirino, excepcionalmente no contrafluxo. Já quem precisava acessar a Avenida José de Souza Campos (Norte-Sul) ficava à direita e seguia pela General Marcondes Salgado. Agentes da Mobilidade Urbana trabalharam na operação, implantando a sinalização necessária e orientando os motoristas.

Os resultados do projeto-piloto estão sendo analisados pela Emdec.

As informações são da Prefeitura de Campinas.
Leia também: Prefeitura de Campinas vai contratar empresa para pavimentar Jd. Itatinga e Pq. São Paulo

Outras notícias