Falta de funcionários e estrutura precária fazem pedidos de benefícios se acumularem em Campinas

53

A região de Campinas está com cerca de 22 mil processos em análise pelo Instituto Nacional de Seguridade Social, incluindo pedidos de salário-maternidade, auxílio-doença, pensões e aposentadorias. A maior parte desses pedidos é de aposentadoria, cujo prazo de análise está em cerca de quatro meses.

O número médio mensal de pedidos apenas nas agências de Campinas está em torno de 5 mil. Toda a soma considera os pedidos feitos nas duas unidades de Campinas e nas de Nova Odessa, Hortolândia, Sumaré, Valinhos, Cosmópolis, Pedreira, Indaiatuba, Americana e Santa Bárbara D’Oeste.

A demanda crescente por causa da Reforma da Previdência e o número cada vez menor de funcionários nas agências faz com que a quantidade de pedidos não pare de crescer e fique acumulado cada vez por mais tempo.

Da Redação ODC.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui