Guarda Municipal é indiciado por homicídio em caso de jovem morto na Norte-Sul em Campinas

 Guarda Municipal é indiciado por homicídio em caso de jovem morto na Norte-Sul em Campinas

O caso do jovem morto por um guarda municipal na Avenida Norte-Sul em Campinas foi encaminhado para a Justiça Local pela Polícia Civil, que já concluiu o inquérito.

O rapaz de 26 anos foi encontrado morto em um barranco da avenida no dia 27 de janeiro. Um guarda municipal identificado como autor dos tiros contra a vítima diz que agiu em legítima defesa.

O guarda foi indiciado por homicídio doloso qualificado, pois a vítima não teve possibilidade de defesa. Ele segue trabalhando na corporação mas em funções administrativas e teve a arma apreendida.


As investigações indicaram que o jovem estava bêbado e fingiu estar armado ao entrar na frente do carro do guarda, que desceu do veículo e disparou contra a vítima. Ele diz que não notou que o tinha acertado.

O secretário de segurança de Campinas, Luiz Augusto Baggio, contesta a versão do guarda. A família da vítima diz que ele foi assaltado depois de sair de um bar nas imediações onde foi morto.

Da Redação ODC.
Fonte: G1
Leia também: STF encerra processo da Vila Soma e terra vai passar para os moradores em Sumaré

Outras notícias