Guarda municipal é preso após cumprir medida protetiva contra esposa

 Guarda municipal é preso após cumprir medida protetiva contra esposa

Um Guarda Municipal da cidade de Várzea Paulista foi detido após descumprir medida protetiva concedida para sua esposa. O casal está junto há 20 anos.

O Guarda está afastado do trabalho para tratamento contra álcool e drogas e já estava brigando com a esposa há algum tempo. Ambos têm dois filhos.

De acordo com a mulher, em uma das discussões o homem chegou a atear fogo em um cobertor e jogou dentro do carro dela. O carro só não pegou fogo pois um pedreiro que estava trabalhando na casa dela conseguiu apagar as chamas a tempo.


Em outra briga, o guarda tentou cortar a mangueira do botijão de gás e fez várias ameaças de morte à mulher quando ela disse que queria se separar.

As brigas começaram dois anos antes, quando o guarda de 43 anos começou a beber e a usar drogas, por isso foi concedida a medida protetiva. Ao tomar conhecimento do descumprimento da medida, a polícia prendeu o guarda.

Da Redação ODC.
Leia também: Jonas anuncia que Campinas deverá ter represa e Sousas poderá ganhar nova ponte

Outras notícias