Homem de 52 anos mata a própria esposa e chama a polícia para se entregar, mas desfecho é imprevisível

 Homem de 52 anos mata a própria esposa e chama a polícia para se entregar, mas desfecho é imprevisível

Um homem de 52 anos matou a própria esposa em um sítio localizado na cidade de Américo Brasiliense, na região de Araraquara, interior paulista.

De acordo com informações, o homem era aposentado e trabalhava no local como caseiro. Após cometer o crime, ele chamou a polícia pois tinha a intenção de se entregar.

Quando os policiais chegaram, o homem deu um tiro na própria cabeça. Tanto o homem quanto a vítima morreram antes de receberem os primeiros socorros.


O homem chegou a ligar para um sobrinho para que ele fosse buscar o filho de 14 anos, e depois ligou para um filho do primeiro casamento pedindo para ir ao sítio com urgência, tudo depois dele já ter matado a mulher.

Ele contou que discutiu com a esposa e que deu quatro tiros nela. Após confessar o crime para o filho, o homem disse que ia se matar e deixar o local em um carro, que foi localizado depois.

Da Redação ODC.
Fonte: Repórter Beto Ribeiro
Leia também: Acidente com duas motos deixa um morto na John Boyd Dunlop

Outras notícias