Homem de 53 anos acusado de estuprar criança é solto após alegar antiga cirurgia cardíaca em Sumaré

 Homem de 53 anos acusado de estuprar criança é solto após alegar antiga cirurgia cardíaca em Sumaré

Foto: Wagner Souza/AAN.

Um homem de 53 anos de idade que foi preso acusado de estuprar uma criança de 4 anos de idade foi solto pela Justiça após dar uma justificativa esdrúxula e que foi aceita. O crime aconteceu em Sumaré.

O homem, que é casado com a avó paterna do menino, foi pego no flagra pela mãe da vítima. O criminoso estava apenas de camiseta e cueca e passando as mãos nas partes íntimas da criança.

Para sair da cadeia, o criminoso alegou que tinha sofrido uma cirurgia no coração, e por conta da pandemia do novo coronavirus, a Justiça o considerou grupo de risco e por isso o colocou em liberdade.


Desde que foi liberado, o homem fugiu e nunca mais foi visto. A criança disse que não era a primeira vez que o homem fazia isso com ele e que já teria feito inclusive na casa da avó.

O criminoso e a avó moravam a duas quadras da casa do menino. O Tribunal de Justiça informou que o caso corre em segredo por envolver menor e que caso haja discordância da decisão, é só interpor um recurso. A decisão revoltou a mãe da criança.

Da Redação ODC.
Fonte: Correio Popular
Leia também: Atacadista abre 259 vagas de emprego para nova loja em Hortolândia; Confira as oportunidades

Outras notícias