Homem infecta esposa grávida com novo coronavirus, criança nasce e ela morre

1300

Uma mulher de 38 anos ficou mais de 15 dias internada para tratamento contra o novo coronavirus em um hospital de Goiás e acabou morrendo antes de conhecer a filha.

Ela contraiu o vírus do marido, que trabalha em um frigorífico na cidade de Colíder, norte do Estado do Mato Grosso. A transferência para Goiás aconteceu logo após Patrícia Beatriz Albuquerque dar à luz a Ana Beatriz.

Mãe e filha foram separadas por causa do tratamento. O Ministério Público do Trabalho pede para que o frigorífico teste e afaste todos os funcionários que estiverem infectados com o novo coronavirus.

A ação foi proposta na semana passada e até então, 84 pessoas já tinham testado positivo para o novo coronavirus dentro do frigorífico. 16,87% de todos os casos da cidade eram de apenas uma empresa.

A bebê também foi contaminada com o novo coronavirus e ficou nove dias internada para o tratamento e já recebeu alta. O marido também já se recuperou e agora vai cuidar da bebê.

Da Redação ODC.
Fonte: G1
Leia também: Trote no iFood faz casa receber 43 entregadores de alimentos em uma só noite