Hortolândia usa verba de combate à Covid para comprar cestas básicas e ajudar famílias vulneráveis

 Hortolândia usa verba de combate à Covid para comprar cestas básicas e ajudar famílias vulneráveis

A Prefeitura de Hortolândia conquistou, nesta semana, R$ 1,3 milhão do FundoCamp (Fundo de Desenvolvimento Metropolitano) para custear ações de enfrentamento à pandemia de Covid-19.

No município, o prefeito José Nazareno Zezé Gomes determinou a compra de cestas básicas para auxiliar no atendimento das famílias em situação de vulnerabilidade social. “Os municípios vinham pleiteando junto a Agemcamp (Agência Metropolitana de Campinas) recursos para realizar o enfrentamento à pandemia.

Com a aprovação do manual de instruções, ocorrido na terça-feira (20/07), Hortolândia conquistou R$ 1,3 milhões. Neste momento, o fundamental é investir na assistência das famílias que mais precisam.


Garantir alimentação é primordial”, destacou Zezé. Com o recurso conquistado, Hortolândia deve adquirir cerca de 7,5 mil cestas básicas. “Todos os meses estamos garantindo o alimento na mesa das famílias que se encontram em situação de vulnerabilidade. Nosso compromisso é diário e vamos trabalhar incansavelmente para que nenhuma pessoa passe fome em nossa cidade”, comentou o prefeito.

Em relação ao total de recursos do Fundocamp, cerca de R$ 18 milhões, o Conselho de Desenvolvimento da RMC (Região Metropolitana de Campinas) aprovou a seguinte divisão: R$ 500 mil para os municípios com população de até 50 mil habitantes (Engenheiro Coelho, Holambra, Morungaba, Pedreira e Santo Antonio de Posse); R$ 800 mil para municípios com população entre 50 e 100 mil habitantes (Artur Nogueira, Cosmópolis, Jaguariúna, Monte Mor, Nova Odessa e Vinhedo); R$ 1,050 milhão para os municípios com população entre 100 e 200 mil moradores (Itatiba, Paulínia, Santa Bárbara e Valinhos) e R$ 1,3 milhão para as cidades com população acima de 200 mil habitantes (Americana, Campinas, Hortolândia, Indaiatuba e Sumaré), levando em consideração a estimativa populacional feita pelo IBGE em 2020.

As informações são da Prefeitura de Hortolândia
Leia também: Chamamento público de parceria para vacinas já tem várias empresas interessadas

Outras notícias

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *