Hospital de Clínicas da Unicamp está funcionando com quase o triplo da capacidade física

     Hospital de Clínicas da Unicamp está funcionando com quase o triplo da capacidade física

    O Hospital de Clínicas da Unicamp passou a recusar pacientes por causa da sua superlotação. Todos os leitos de UTI para pacientes com Covid que estão instalados no local estão ocupadas.

    Para pacientes com outras doenças, há apenas um leito disponível. O Pronto-Socorro da unidade de saúde está operando no momento com 357% da sua capacidade operacional.


    Por isso, iniciou-se nesta última segunda-feira, dia 11/01, uma restrição no atendimento e a suspensão de novas internações para cirurgias eletivas.

    Só para se ter uma ideia da capacidade estourada do hospital, nas duas salas de emergência há cinco vagas, porém estão internadas nove pessoas.

    A Secretaria de Estado da Saúde informou que há a possibilidade de fazer a transferência de pacientes para outras cidades, para aliviar o HC.

    Da Redação ODC.
    Fonte: G1
    Leia também: Governo de São Paulo publica edital para selecionar 2700 soldados para a Polícia Militar

    Outras notícias