Jovem de 22 morre queimada ao tentar acender carvão jogando álcool em churrasqueira

 Jovem de 22 morre queimada ao tentar acender carvão jogando álcool em churrasqueira

A jovem Natali Steffani Martins Iligaray, de 22 anos de idade, morreu após tentar acender uma churrasqueira no último domingo, dia 15/09, na cidade de Vera Cruz, interior de São Paulo.

Natali estava ajudando o marido a acender a churrasqueira quando jogou álcool, causando uma explosão. O fogo atingiu 98% do corpo da mulher. Já o marido teve 35% do corpo queimado. Ambos foram socorridos porém pela gravidade dos ferimentos a mulher faleceu na madrugada de segunda-feira, dia 16/09. O marido continua internado.

O Corpo de Bombeiros recomenda que nunca sejam utilizados líquidos inflamáveis para o acendimento de lenha ou carvão, justamente por conta da volatilidade do produto. Quando são lançados, emitem vapores inflamáveis e o fogo acaba “voltando” quando há o acendimento de fósforo ou isqueiro, podendo atingir as pessoas que estão nas proximidades.


Da Redação ODC.

Outras notícias