Jovens internados na Fundação Casa após agressão a adolescente perto da Hípica são liberados

187
CBN

Os três adolescentes que foram internados em unidades da Fundação Casa em Campinas após terem espancado um outro jovem perto da Hípica foram liberados pela
Justiça.

A liberação aconteceu após o final do depoimento de parte das 23 testemunhas convocadas para a segunda audiência do caso. Até a garota, que teria sido pivô do caso,
foi chamada para depor.

Agora, os jovens estão sob liberdade assistida. A internação foi determinada para que os envolvidos não tivessem qualquer envolvimento com a vítima e com as
testemunhas do caso. Como as testemunhas já foram ouvidas, não há mais o porquê mantê-los internados.

O pai de um dos jovens envolvidos, o advogado criminalista José Pedro Said Filho, também foi ouvido pois ele teria sido o responsável pelo transporte do grupo que
espancou o outro jovem.

Tudo aconteceu no dia 2 de setembro último, no momento em que a vítima ia até a academia na Hípica, que fica do outro lado da rua da sua casa. Ao sair, os três
agressores o abordaram questionando sobre um possível beijo dado em uma garota dois dias antes. A garota seria ex-namorada do filho do advogado Said Filho. O
espancamento foi registrado por câmeras de segurança

O advogado diz que ele tentou apartar a briga e que voltou para o local ao ver o que estava acontecendo. Disse também em depoimento que tentou, de alguma forma,
ajudar o jovem espancado, o que é desmentido pelo pai da vítima. O caso continua sob investigação.

Da Redação ODC.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui