Justiça decreta liminar para impedir prefeitura de Campinas de fazer obra que já terminou

 Justiça decreta liminar para impedir prefeitura de Campinas de fazer obra que já terminou

Leandro Ferreira

As eleições acabam mexendo com vários interesses particulares e do lado de fora fica o eleitor, que costuma ficar sempre no prejuízo. A maior prova disso está na estapafúrdia discussão sobre o asfalto na Vila Industrial.

A justiça concedeu uma liminar que impede a prefeitura de Campinas a continuar os trabalhos de asfaltamento em ruas de piso de paralelepípedo enquanto o processo de pedido de tombamento não é concluído.

Apesar da prefeitura já ter informado que os locais asfaltados não são tombados como patrimônio histórico, um pequeno grupo de moradores da região e um candidato a vereador resolveram “agitar” a questão, juntamente com um pequeno jornal da cidade.


As ruas que receberam o asfaltamento melhoraram o tráfego e a segurança dos motoristas. A maioria dos moradores comemorou a obra, já que a barulheira dos carros batendo incomodava a todos.

A prefeitura informou que as obras necessárias na região já foram concluídas e que não será feito mais nada, ou seja, a liminar não tem serventia nenhuma, ou seja, tem apenas para quem tem interesse político em pleno ano de eleição e que quer aparecer na mídia a todo custo.

Da Redação ODC.
Leia também: Burger King é condenado por jornada de trabalho abusiva; Funcionários não recebiam DSR

Outras notícias