Mauricio Meirelles e Rafinha Bastos fecham a semana no Teatro Oficina do Estudante Iguatemi

 Mauricio Meirelles e Rafinha Bastos fecham a semana no Teatro Oficina do Estudante Iguatemi

Foto: Divulgação

O youtuber Whindersson Nunes realiza a sua última apresentação no mês de agosto no Teatro Oficina do Estudante Iguatemi Campinas nesta quinta-feira, dia 19, às 20h, com sessão extra às 22h. Os ingressos custam R$ 120,00 (inteira) e R$ 60,00 (meia-entrada). A classificação etária é de 14 anos. As novidade da semana são Murilo Couto, na sexta-feira, dia 20, às 20h e Mauricio Meirelles e Rafinha Bastos no domingo, dia 22, às 20h. e Cleber Rosa e Renato Albani mantem a apresentação no sábado, dia 21, respectivamente às 18h e às 20h. Os ingressos devem ser adquiridos no site no site www.ingressodigital.com ou na bilheteria do Teatro Oficina do Estudante, que funciona no 3° piso do Shopping Iguatemi Campinas. Informações pelo telefone (19) 3294-3166.

O humorista Murilo Couto apresenta o stand-up comedy “Gala Seca” na sexta-feira, dia 20, às 20h. Os ingressos custam R$ 60,00 (inteira) e R4 30,00 (meia-entrada). A classificação etária é de 14 anos. “Gala Seca” é uma gíria da região Norte do Brasil, usada para falar de pessoas com comportamento idiota e desatento. A expressão é a descrição perfeita do que o público assiste no palco e pode entender enquanto ouve Murilo relatar situações de toda sua vida. “As piadas de ‘Gala Seca’ são bem focadas em mim mesmo. Conto histórias desde a minha infância até os dias de hoje. Falo de como a feiura me ajudou profissionalmente, do meu primeiro beijo, das tentativas de ser estiloso na adolescência. Tudo bem vergonhoso”, admite. O comediante paraense e repórter do late show “The Noite com Danilo Gentili” (SBT) também faz parte do elenco do Em Pé na Rede, primeiro grupo de stand-up comedy da região Norte do Brasil. O humorista é criador de conteúdo para seu canal do YouTube, que conta com mais de um milhão de inscritos. Nas horas vagas, se dedica à sonhada carreira como rapper.

No sábado, dia 21, são dois espetáculos de humor: às 18h, Cleber Rosa com o show “Nói que é pobre – um pobre na quarentena” e, às 20h, Renato Albani com “Me tornei o que mais temia”. A apresentação de Cleber Rosa tem 70 minutos de duração. Essa comédia stand-up aborda situações comuns e causos da vida de um homem simples, o Chico da Tiana, adaptados do seu canal na internet “Reclamação do Dia”.


Vivenciando o cotidiano do pobre, Cleber Rosa faz reclamações sobre assuntos atuais em uma conversa divertida com uma atendente hipotética. Mineiro de Pouso Alegre, ele diverte as plateias por onde passa, pois, a cada cidade, produz um texto diferente com referências locais. Sua característica é primar pelo humor ácido e irônico, porém limpo, sem palavrões ou piadas de duplo sentido. Por isso, a classificação etária é livre. Seu canal na internet conta com mais de 1 bilhão de visualizações e 4 milhões de seguidores. Os ingressos custam R$ 70,00 (inteira) e R$ 35,00 (meia-entrada).

Já os ingressos para a apresentação de Renato Albani custam R$ 60,00 (inteira) e R$ 30,00 (meia-entrada). No show, o humorista fala sobre acontecimentos de sua vida e sobre pensamentos distorcidos e divertidos, como a sua indignação com a diferença dos preços dos produtos populares e de alto padrão. Ele também aborda situações inusitadas sobre uma cirurgia e absurdos caóticos em um Réveillon insano. A identificação do público é imediata. A classificação etária é de 16 anos. O espetáculo tem duração de 70 min.

No domingo, dia 22, tem Mauricio Meirelles e Rafinha Bastos, dois dos maiores nomes do stand-up comedy. Rafinha Bastos, pioneiro na área, é conhecido por suas polêmicas e, principalmente, por sua personalidade peculiar. Mauricio Meirelles, casado, com filho pequeno e cachorro, considera-se um verdadeiro sobrevivente da quarentena, sendo muito conhecido pelo seu humor inteligente e suas ousadias com a tecnologia. Gravou um especial na Netflix e, desde então, inovou como o primeiro comediante a criar um show exclusivo de stand-up em drive in com suas maluquices inovadoras. Ao final do show, os dois comediantes se juntam para responder perguntas da plateia, em um papo totalmente aberto e inusitado. Os ingressos custam R$ 80 (inteira) e R$ 40 (meia-entrada). A classificação etária é de16 anos.

Serviço

Teatro Oficina do Estudante Iguatemi Campinas
Local: 3º Piso do Shopping Iguatemi Campinas (Av. Iguatemi, 777, Vila Brandina), em Campinas.
Vendas: Bilheterias do Teatro e no site www.ingressodigital.com.
Informações pelo telefone (19) 3294-3166

Teatro Oficina do Estudante Iguatemi Campinas
Programação de agosto

Data: 19 (quinta-feira)
Horário: às 20h. Sessão extra às 22h.
Whindersson Nunes
Ingressos: R$ 120,00 (inteira); R$ 60,00 (meia-entrada).
Classificação etária: 14 anos

Data: dia 20 de agosto, sexta-feira.
Horário: às 20h
“Gala Seca”, com Murilo Couto
Ingressos: R$ 60,00 (inteira); R$ 30,00 (meia-entrada).
Classificação etária: 14 anos
Duração: 80 minutos

Data: dias 21 e 28 de agosto, sábado.
Horário: às 18h
“Nói que é pobre – um pobre na quarentena”, com Cleber Rosa
Ingressos: R$ 70,00 (inteira); R$ 35,00 (meia-entrada).
Classificação Etária: livre
Duração: 70 min

Data: dia 21 de agosto, sábado.
Horário: às 20h
“Me tornei o que mais temia”, com Renato Albani
Ingressos: R$ 60,00 (inteira); R$ 30,00 (meia-entrada).
Classificação Etária: 16 anos
Duração: 70 min

Data: 22 de agosto e 12 de setembro (domingo)
Horário:19h
Mauricio Meirelles e Rafinha Bastos
Ingressos: R$ 80,00 (inteira) e 40,00 (meia)

Data: dia 29 de agosto, domingo
Horário: às 16h30 (sessão extra) e 19h
“Modo efetivo”, com Thiago Ventura
Ingressos: R$ 80,00 (inteira); R$ 40,00 (meia-entrada).
Classificação etária: 16 anos
Duração: 80 min

Leia também: Campinas recebe audiência pública do Governo do Estado para o Trem Intercidades

Outras notícias

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *