Médicos que morreram em acidente de carro trabalhavam no Hospital Ouro Verde em Campinas

 Médicos que morreram em acidente de carro trabalhavam no Hospital Ouro Verde em Campinas

Os médicos que morreram em um desastre automobilístico em Minas Gerais na última sexta-feira, dia 20/09, trabalhavam no Hospital Ouro Verde em Campinas. Ao contrário do que o ODC informou no sábado, apenas dois ocupantes que faleceram eram médicos. A terceira pessoa era uma engenheira química.

Grazielli Rodrigues Vieira, de 35 anos, estava grávida de 6 meses e era noiva de um dos médicos falecidos, no caso, de Thales Carvalho Araújo, de 34 anos. O outro médico que morreu no desastre é Renato Chini Calhau, de 32 anos.

Thales foi sepultado em Goiás e Renato, em Uberlândia. Grazielli foi velada e sepultada no Cemitério Parque das Aléias, em Campinas. O acidente aconteceu na sexta, onde o carro em que os três estavam bateu de frente com uma carreta bitrem durante uma tentativa de desvio de uma cortina de fumaça formada por queimadas na beira da via MG-190, em Paracatu.


Da Redação ODC.

Outras notícias