Ministério Público pode judicializar licitação dos ônibus em Campinas, conforme já previsto pelo ODC

 Ministério Público pode judicializar licitação dos ônibus em Campinas, conforme já previsto pelo ODC

Conforme já previsto e até cogitado pelo ODC há alguns dias, o processo licitatório do transporte coletivo urbano de Campinas poderá ser judicializado. O Ministério Público já cogita a possibilidade de pedir na justiça o adiamento da data de abertura dos envelopes que irá mostrar as empresas vencedoras do certame.

De acordo com o Ministério Público, o processo todo teve pouca participação popular e os conselhos de trânsito e transporte não tiveram participação decisiva nas questões pertinentes. Está prevista para o dia 16/10 a abertura dos envelopes, mas a data poderá mudar.

O ODC já criticou mais de uma vez a falta de consulta ao usuário do transporte e também o fato de todo o edital ter sido elaborado por pessoas que sequer andam de ônibus, por isso não teriam autoridade para montar itinerários. A Emdec disse que tudo foi feito de acordo com a lei, inclusive as consultas populares.


O Ministério Público já tinha dito há alguns dias que irá acompanhar cada passo do processo licitatório, assim como o ODC está fazendo desde o começo.

Da Redação ODC.

Outras notícias