Motociclistas de Piracicaba tentam reverter decisão da prefeitura que quer regulamentar atividades

 Motociclistas de Piracicaba tentam reverter decisão da prefeitura que quer regulamentar atividades

A prefeitura de Piracicaba está tentando regulamentar e organizar o trabalho dos mototaxistas e motofretistas da cidade, mas enfrenta resistência dos profissionais. Um protesto foi realizado na última segunda-feira, dia 02/03, com a presença de cerca de 200 motociclistas.

As duas exigências mais contestadas são a obrigatoriedade de idade máxima de 10 anos para a moto e a necessidade da realização de um curso especializado. Os motociclistas reclamam que o tempo para a adequação à nova lei é muito curto: um mês.

Outro ponto questionado é a de que o motociclista tenha no mínimo 21 anos e CNH A em vigor há pelo menos dois anos. Piracicaba tenta regulamentar os serviços desde 2012 e desde então tem remodelado a lei e postergado prazos.


De momento, será rediscutida a obrigatoriedade de motos de no máximo 10 anos e o prazo para o cumprimento das normas foi estendido para até o final de maio.

Da Redação ODC.

Outras notícias