Motorista que teve retrovisor tocado sai transtornado correndo atrás de motoboy em Campinas

 Motorista que teve retrovisor tocado sai transtornado correndo atrás de motoboy em Campinas

Uma briga de trânsito quase terminou em tragédia em Campinas nesta última terça-feira, dia 15/09 em Campinas, porém as imagens foram divulgadas nesta última quinta-feira, dia 17/09.

O caso aconteceu no bairro Mansões Santo Antonio por volta das 13 horas. Um motoboy estava seguindo pela via de mão dupla quando esbarrou no retrovisor de um carro.

O motorista do carro ficou ensandecido, deu a volta e atingiu a moto. O motociclista foi diretamente atingido pelo carro e caiu da moto, sendo quase prensado em outro veículo estacionado na via.


Ao cair, o motociclista levantou meio sem saber o que estava acontecendo e passou a ser perseguido a pé pelo motorista do carro. Diante da ameaça, o motociclista pediu ajuda a uma pessoa que estava passando no local e se refugiou em uma escola.

Os funcionários da escola chamaram a polícia. “Falei: ‘não sei o que que esse cara vai fazer’. Onde passou o carro e eu falei: ‘moça, pelo amor de Deus, tira eu daqui’. E fui tentar entrar dentro do carro dela. Ela também, não sabendo o que tava acontecendo, ficou só olhando.”, disse o motociclista.

O motorista, enquanto isso, chutou a moto várias vezes, quebrando-a. O motociclista teve um ferimento no tornozelo e acabou tendo que engessá-lo. Uma testemunha disse que tentou acalmar o motorista do carro.

“Ele tava transtornado, falando que ia matar o motoboy. Foi chegando muita gente, assim, pra acalmar, tranquilizar. Se não tivesse tranquilizado ele, tinha acontecido algo pior mesmo, realmente.”, disse a testemunha. O motorista alegou que o motociclista chutou o retrovisor do seu carro de propósito.

Assim que a polícia chegou, o dono do carro se acalmou e disse que vai fazer o pagamento de todos os prejuízos. A intolerância entre motociclistas e motoristas no trânsito de Campinas está cada vez maior.

Da Redação ODC.
Fonte: G1
Leia também: Cliente que insultou vendedora em sorveteria de Campinas estava sem máscara antes e não foi agredido

Outras notícias