Mulher perde bebê depois de ser expulsa de carro de aplicativo pelo próprio motorista

 Mulher perde bebê depois de ser expulsa de carro de aplicativo pelo próprio motorista

Uma mulher que chamou um carro por aplicativo por estar passando mal acabou perdendo o bebê por ter sido expulsa do veículo pelo motorista.

O caso aconteceu nesta última segunda-feira, dia 24/08, na cidade de São Paulo. Daiany Franco, de 31 anos, estava de 13 semanas e começou a ter sangramento. Por isso, ela e a mãe chamaram um carro de aplicativo para irem a um hospital.

Durante a viagem, o motorista ficou falando que se elas manchassem o banco do carro, iam ter que pagar. No meio do caminho, ele desistiu da corrida e deixou mãe e filha em um posto de combustível.


Uma câmera de segurança filmou toda a ação. Mãe e filha pediram ajuda aos frentistas mas logo depois chegou uma viatura da Polícia Militar e as levou para um hospital.

Daiany estava com muita dor e precisou passar por uma cirurgia, já que tinha perdido o feto. Ela acredita que se tivesse sido levada ao hospital pelo carro, teria chances de não perder o bebê. A plataforma bloqueou o motorista e está prestando suporte à vítima.

Da Redação ODC.
Fonte: Coisas de Itupeva
Leia também: Agente de trânsito agredida por notificar carro estacionado em local irregular deve ser indenizada

Outras notícias