Paciente cai na sala de espera do Mário Gatti e nenhum funcionário prestou socorro

 Paciente cai na sala de espera do Mário Gatti e nenhum funcionário prestou socorro

Uma mulher desmaiou na sala de espera do pronto socorro do Hospital Mário Gatti em Campinas e teve que ser socorrido pelos próprios pacientes que aguardavam atendimento. O caso aconteceu na noite da última quarta-feira, dia 04/03.

Mesmo ficando vários minutos no chão, nenhum funcionário do hospital foi acudir a mulher. Ela acabou sendo colocada em uma cadeira de rodas pelos pacientes e só depois uma funcionária levou-a para um local adequado.

A mulher que flagrou o caso estava esperando atendimento desde às 15h, sendo que já passava-se das 20h. Ao reclamar da demora, uma funcionária teria gritado com ela e dito que iria chamar a guarda municipal se continuasse reclamando. Como continuou com a reclamação, dois guardas foram chamados. A mulher foi segurada pelas funcionárias e entregues à guarda, que foi até o médico pedindo que ela fosse atendida.


O atendimento aconteceu por volta de meia-noite. A Rede Mário Gatti, como sempre, deu respostas-padrão, dizendo que vai apurar o caso, que naquele dia houve aumento de atendimentos de casos mais graves, etc, ou seja, o atendimento vai continuar péssimo como sempre. Só que isso não vai aparecer na campanha do candidato do nosso prefeito Jonas, que é o Henrique Magalhães Teixeira.

Da Redação ODC.

Outras notícias