Pai de detento de Hortolândia envia drogas pelos Correios, mas carga é interceptada

 Pai de detento de Hortolândia envia drogas pelos Correios, mas carga é interceptada

Mais uma quantidade de drogas foi apreendida por agentes penitenciários que trabalham no complexo Campinas-Hortolândia. Os números têm crescido nos últimos meses.

Desta vez foram apreendidas 51 tiras de papel K4 dentro de uma embalagem de fio dental. O material foi enviado via Correios por meio do Sedex.

O destinatário da carga era um detento que está cumprindo pena na Penitenciária Odetel Leite de Campos Critter, no lado de Hortolândia.


A encomenda teria chegado na última terça-feira, dia 24/11 e provavelmente foi enviada pelo pai do detento. Tudo foi levado para um plantão policial local.

De acordo com a Secretaria de Administração Penitenciária, foi aberto um inquérito para verificar se o detento teve participação direta no caso.

Da Redação ODC.
Leia também: Narrador e apresentador Fernando Vannucci morre aos 69 anos em São Paulo

Outras notícias