Pai e filho morrem de causas naturais no mesmo dia e quase na mesma hora

 Pai e filho morrem de causas naturais no mesmo dia e quase na mesma hora

Um caso de morte em família chamou a atenção nesta última terça-feira, dia 29/09, por conta do tempo de diferença e da distância entre um parente e outro.


O pai morava em Santa Catarina e o filho, no Paraná. Com 76 anos de idade, Urivaldo Gnotti Biff morreu de causas naturais em sua casa, em Joaçaba.

Momentos depois o filho dele, Leucir Biff, foi contar para o irmão, Valdir Biff, de 52 anos, sobre a morte do pai, quando viu ele também morto.

Os dois irmãos chegaram a tomar café da manhã juntos antes da notícia da morte do pai chegar. Leucir estava trabalhando e quando chegou na casa de Valdir para contar sobre a morte do pai, ele também já estava morto.

Urivaldo fazia tratamento contra diabetes, porém o filho Valdir não tinha nenhuma doença e morreu também de causas naturais. Pai e filhos não se viam há quatro meses por causa da pandemia do novo coronavirus.

O corpo do pai foi trasladado para a cidade de Pato Branco, onde foi enterrado junto com o corpo do filho nesta última quarta-feira, dia 30/09.

Da Redação ODC.
Fonte: G1
Leia também: Novo viaduto em frente ao Shopping Unimart será inaugurado amanhã (01/10) em Campinas

Outras notícias