Polícia Civil desarticula quadrilha que fraudava cartões de crédito de idosos

 Polícia Civil desarticula quadrilha que fraudava cartões de crédito de idosos

Uma operação deflagrada pela Polícia Civil prendeu seis pessoas envolvidas em um golpe de cartões de crédito de idosos e roubos de dados bancários.

O crime era realizado na cidade de Indaiatuba e a operação foi em conjunto com policiais de Poços de Caldas, no Sul de Minas Gerais.

Os bandidos agiam, além do interior de São Paulo, também nos estados de Minas Gerais, Rio Grande do Sul e em Mato Grosso.


Como houve um enorme aumento no número de fraudes praticadas contra contas de idosos, a polícia acendeu o sinal de alerta e começou uma série de investigações.

Em cerca de dois meses de golpes a quadrilha chegou a movimentar em torno de 5 milhões de reais. Os idosos acreditavam estar fornecendo dados pessoais para funcionários de bancos, sobretudo da Caixa.

A quadrilha operava da seguinte forma:

• Grupo de mulheres entrava em contato com as vítimas por telefone, elas ligavam no número fixo dos idosos. Tinham informações bancárias privilegiadas e conseguiam obter a senha do cartão.

• Outro grupo era responsável por ir à casa das vítimas retirar os cartões para uma suposta perícia. Se passava pela polícia e ia aos endereços de motocicleta.

• Um terceiro grupo cedia contas bancárias para o recebimento do dinheiro, eram os “laranjas” da quadrilha.

• O último grupo era formado pelos líderes da organização criminosa, responsáveis por comprar o pacote de dados bancários dos idosos, estruturar as organizações e disponibilizar a estrutura tecnológica para fazer o golpe. Eles ficavam com a maior parte do proveito do crime.

Todos os presos vão ser encaminhados para Minas Gerais e a Caixa Econômica Federal ainda não se posicionou a respeito do caso.

Da Redação ODC.
Fonte: G1
Leia também: Testemunha diz que MC Kevin fazia sexo na varanda de hotel e caiu ao tentar fugir da esposa

Outras notícias