O caso do jovem que foi baleado no Jardim Campo Belo ainda está dando o que falar em Campinas. O jovem de 17 anos de idade começou invadindo uma loja de pesca na Vila Mimosa e fez 11 reféns.

Todos foram colocados em vários cômodos do local e ameaçou todos com um machado e com uma pistola falsa. Uma das vítimas relatou que o bandido perguntou com quais das duas armas ela queria morrer.

O bandido levou alguns objetos do local e o carro de uma cliente, porém para o azar dele o Toyota Etios tinha GPS e foi rapidamente localizado pela Polícia, que iniciou uma perseguição que foi ao longo de 10 quilômetros.

A perseguição acabou quando um carro da Polícia conseguiu barrar o do bandido no Jardim Campo Belo. Ele colocou a arma para fora do carro mostrando que ia atirar contra os policiais, que revidaram.

O rapaz morreu no local, dentro do carro. A Polícia Civil está investigando todo o caso, inclusive se houve abuso por parte da polícia Militar. O bandido já tinha várias passagens por furtos e roubos.

Da Redação ODC.
Fonte: G1
Leia também: Jovem morre espetado com agulha de narguilé no mamilo; Namorada é acusada