Prefeito Dário Saadi visita obras do Hospital São Luiz em Campinas

 Prefeito Dário Saadi visita obras do Hospital São Luiz em Campinas

Foto: Fernanda Sunega

O prefeito Dário Saadi visitou nesta terça-feira, dia 31 de agosto, as obras do Hospital São Luiz Campinas, da Rede D’Or. A unidade está sendo construída no espaço da antiga rodoviária e no momento está na fase de execução da estrutura de concreto dos pavimentos, o que deve ser concluído até o final de dezembro de 2021.

Em paralelo, em outubro de 2021, começa a execução das instalações e acabamentos internos, assim como o início do fechamento e vedação da edificação e aplicação dos revestimentos da fachada.

Segundo o prefeito Dário Saadi, a unidade será um hospital privado, mas que está gerando muitos empregos e renda, além de trazer desenvolvimento para a região do entorno da antiga rodoviária. “É uma obra imensa, com quase 48 mil metros quadrados e que está gerando, somente na fase de construção, 3 mil empregos diretos e indiretos. Com o hospital pronto, serão dois mil empregos constantes para Campinas.”


O executivo da empresa, Robson Szigethy, da Diretoria de Expansões, recebeu o prefeito Dário Saadi e ressaltou que a região de Campinas ganhará um hospital de grande porte que reúne as áreas de emergência, internação, UTI, maternidade e consulta, além de áreas de convivência como restaurantes. “Na fase 1, que será concluída até o primeiro semestre de 2023, serão 190 leitos. O prédio terá 17 andares, serão 12 salas de cirurgia. As obras estão em ritmo acelerado. Será um hospital geral completo, incluindo cirurgias de grande e médio porte para atender a Campinas.”

Szigethy também ressaltou que a construção será muito boa no que concerne à revitalização da região em que está sendo instalado, que também já é servida por outras estruturas de saúde particulares.

Os 190 leitos serão distribuídos entre 107 de internação adulto e pediátrico e 83 de UTI, adulto, pediátrico e neonatal. O valor a ser investido nesta primeira fase é de R$ 350 milhões. Em uma segunda fase, ainda sem data definida, há potencial de crescimento de mais 136 leitos. O hospital terá, ainda, um pronto-socorro mais rápido e ágil utilizando a metodologia chamada Smart Track.

Também acompanharam a visita do prefeito, o gerente da obra, Elomir Colen Filho, além de outros profissionais que atuam no projeto. Por parte da Administração Municipal estiveram presentes o secretário Municipal de Saúde, Lair Zambon, o presidente da Rede Mário Gatti, Sergio Bisogni e o Chefe de Gabinete, Aderval Fernandes.

Contrapartidas

As contrapartidas acertadas com a Prefeitura incluíram: recuperação do Viaduto Lix da Cunha, reforma da Policlínica de Campinas, ambas já entregues; além do plantio compensatório e manutenção de mudas no município (em andamento) e com previsão de conclusão até fevereiro de 2022. No total, o investimento da Rede D’or nestes itens vai ultrapassar os R$ 6 milhões.

As informações são da Prefeitura de Campinas.
Leia também: Linha 239 passará a ter ponto na via marginal do Shopping Pq. das Bandeiras em Campinas

Outras notícias

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *