Prefeitura de Campinas enrolou tanto e a reforma do Centro de Convivência vai atrasar de novo

 Prefeitura de Campinas enrolou tanto e a reforma do Centro de Convivência vai atrasar de novo

Foto: Leandro Ferreira/AAN

A prefeitura de Campinas enrolou tanto para iniciar a reforma do Centro de Convivência Cultural que agora com a pandemia a situação se complicou e tudo deverá atrasar ainda mais.

A previsão inicial é de que o início das obras fosse neste mês de agosto, porém isso já não deverá mais acontecer. Ainda cabe recurso das empresas que participaram do processo licitatório.

Dez empresas participaram da licitação e quem venceu foi a empresa Progridor, com o menor valor para a obra, de R$ 17,8 milhões. As outras que perderam têm seis dias para entrar com recurso..


O dinheiro que será usado na reforma é parte do que seria destinado ao Teatro de Ópera no Parque Ecológico. O restante do dinheiro deverá ser feito via empréstimo ou novo repasse do governo.

O Centro de Convivência está fechado desde 2011 e será necessário fazer a recuperação da estrutura do prédio, drenagem, redes elétrica e hidráulica, climatização, ar condicionado, acústica, iluminação, entre outros.

Da Redação ODC.
Fonte: Correio Popular
Leia também: Decreto da multa por falta de máscara em Campinas vale também para ônibus, lojas e táxis

Outras notícias