O professor de artes que enviou uma foto sua totalmente sem roupa para um grupo de alunos para os quais lecionava em Campinas disse que tudo não passou de um engano.

O homem disse que é naturista desde os 40 anos de idade e que a imagem deveria ter sido enviada para um grupo de amigos, mas acabou se confundindo no aplicativo e mandou ao grupo errado.

Ele admitiu o erro e prefere preservar o seu nome até que tudo se resolva, mas disse que há um preconceito contra o naturismo e que a confusão poderia ser usada para levantar um debate a respeito do assunto.

“Realmente foi um erro meu, na ideia de enviar mensagem para amigos, enviei no grupo errado. (…) Na arte, sempre existiu o nu. Artistas de TV, vários, já postaram fotos. Existem programas com nu na TV. E ainda assim, existe um preconceito generalizando sobre o tema. A história mostra o quão estamos atrasados em nossos conceitos”, disse o professor.

O caso segue sendo investigado pela 1ª Delegacia de Defesa da Mulher e pela Secretaria da Educação. O professor disse que enviou mensagem à coordenação da escola explicando o que ocorreu e espera resposta.

Da Redação ODC.
Fonte: G1
Leia também: Professor envia foto nu para grupo de alunos no WhatsApp em Campinas