Rapaz consegue na Justiça direito de importar semente de maconha para uso medicinal

 Rapaz consegue na Justiça direito de importar semente de maconha para uso medicinal

Um rapaz de 26 anos ganhou na justiça o direito de cultivar sementes de maconha em sua casa para usos medicinais. O óleo extraído das folhas da planta tem sido usado por muita gente para as mais diversas enfermidades.

Mineiro, o rapaz é formado em ciências biológicas e precisa do óleo extraído para fins medicinais. Ele tem quadro depressivo e usa o óleo para seu tratamento.

A depressão no jovem começou a se manifestar depois de fortes dores lombares, que acabaram dificultando a execução de qualquer outra atividade.


De acordo com o advogado do jovem, as causas das dores não foram encontradas, mesmo depois de terem sido feitos vários tratamentos e exames. Outros problemas psicológicos acabaram aparecendo mais tarde.

O canabidiol vendido em farmácias custa até R$ 2500,00, e o óleo de cannabis é uma alternativa muito mais barata. As sementes de maconha devem ser importadas e esse caso é a segunda autorizada pela justiça brasileira.

Da Redação ODC.
Fonte: Repórter Beto Ribeiro
Leia também: Clínica veterinária encontra preservativo masculino dentro de cachorrinha internada

Outras notícias