Homem que matou a família no Jd. Aeroporto não se arrependeu de nada, diz polícia

 Homem que matou a família no Jd. Aeroporto não se arrependeu de nada, diz polícia

O homem que matou a mulher, a filha de 3 anos e a sogra no Jardim Aeroporto, em Campinas, não demonstrou arrependimento em nenhum momento, segundo a Polícia Civil.

Miqueias Bernardes Santana, de 30 anos, prestou depoimento na 2ª Delegacia de Defesa da Mulher na manhã desta terça-feira, depois de ser preso ao ligar para a Polícia Militar dizendo que “tinha feito uma besteira”.

A Polícia acredita que o crime tenha sido premeditado, apesar do assassino ter falado que tudo aconteceu após “uma discussão com a esposa”.


A família morava no mesmo terreno da sogra, mas em casas separadas. Na noite desta segunda-feira, vizinhos teriam ouvido gritos de “para, para, para” vindos da residência.

A investigação quer saber se a filha de 3 anos e a sogra foram mortas ontem à noite, e a esposa pela manhã. De todos os modos, o homem passou a noite com os corpos.

Outras notícias