Prefeitura plantou mais de 285 mil mudas de árvores em 4 anos

·

·

·

Tags:

A Prefeitura plantou 285.953 mudas de árvores nos últimos quatro anos em Campinas. A cada dia foram plantadas, em média, 196 árvores no município. O plantio é uma atividade cotidiana para as secretarias municipais de Serviços Públicos, do Verde e pela Mata de Santa Genebra. Em 2019 foram 56.524; em 2020, atingiu 31.081; em 2021, foram 66.779; e, em 2022, chegou a 131.569 árvores.

De acordo com Ernesto Paulella, secretário de Serviços Públicos, as árvores plantadas, em sua maioria, foram de porte mínimo de dois metros. O total de 106.055 mudas plantadas pela secretaria é bem superior ao número de árvores extraídas no mesmo período, que foi de 3.944 (são árvores condenadas do ponto de vista fitopatológico).

Paulella explica que o Departamento de Parques e Jardins (DPJ) realiza o plantio de mudas na cidade de forma contínua. “Nesses quatro anos plantamos árvores nativas da flora brasileira, especialmente da Mata Atlântica”, conta.

Em uma região fortemente urbanizada como é a Região Metropolitana de Campinas, áreas verdes e plantios de árvores ajudam a melhorar o microclima. “A falta de vegetação na cidade acaba desenvolvendo ilhas de calor com grande emissão de energia pois o sol bate, sem sombreamento, aquece o solo e ocorre grande emissão de energia de calor”, explica o secretário do Verde, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, Rogério Menezes.

Os plantios realizados pela Secretaria do Verde ocorreram por meio de compensação ambiental oriunda do licenciamento municipal e de Termos de Ajustamento de Conduta. Em 2019 foram plantadas pelo Verde 20.699 mudas; em 2020 foram 4.337; em 2021, um total de 30.176; e em 2022 foram 90.364.

O secretário Rogério Menezes revela que o plantio de mais de 145 mil mudas nesses últimos quatro anos foram para atender demandas de processos de compensação ambiental ligados à Secretaria do Verde, desde 2019.

A Mata de Santa Genebra, por sua vez, realiza plantios pontuais, Nos últimos quatro anos atingiu a marca de 34.522 árvores plantadas em sua própria Mata e também em parques da cidade. Em 2019, foram 1.787; com 2.735 em 2020; 10 mil em 2021 e mais 20 mil em 2022.

O presidente da Fundação José Pedro de Oliveira, responsável pela Mata de Santa Genebra, Cidão Santos, adianta que a fundação pretende repetir o feito de 2022, e plantar mais 20 mil mudas em 2023. “Serão 50 mil mudas em três anos. É um grande avanço, um trabalho importante de reconstrução ambiental em áreas degradadas, em áreas onde nós temos muitas árvores exóticas”, diz. “Continuaremos trabalhando, inclusive na questão do compromisso com o plano de ação global dos 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODSs), que compõe a agenda mundial da ONU a ser adotada pela humanidade até 2030”, afirma o presidente da Mata.

Recentemente, em comemoração ao Dia Mundial da Água, celebrado em 22 de março, biólogos da própria Santa Genebra e 70 alunos da escola EMEF “Edson Luis Chaves”, além de moradores do entorno, participaram do plantio de mil mudas de árvores nativas no Parque Linear Córrego do Banhado e também uma floresta de 200 mudas na Lagoa do Taquaral.

As informações são da Prefeitura de Campinas.
Leia também:
Tratamentos podem reduzir a queda de cabelo