A linha da Itajaí que pega “terra”: Fomos conhecer a 209 – Chácaras Cruzeiro do Sul

 A linha da Itajaí que pega “terra”: Fomos conhecer a 209 – Chácaras Cruzeiro do Sul

A imprensa campineira sempre dá notícias sobre as linhas 3.50 e 3.58, que são consideradas as rurais mais longas de Campinas, porém outras linhas passam por trechos sem asfaltamento e enfrentam problemas semelhantes. Por isso, a equipe do ODC foi andar na linha 2.09, operada pela empresa Itajaí. Na verdade o objetivo era andar na linha 209.1, que é via Colina Verde, já na divisa rural da cidade, porém a mesma não estava em operação neste sábado, dia 15/06, quando estivemos no Terminal Campo Grande para realizar a matéria.

A linha 2.09 é uma alimentadora do Terminal Campo Grande e atende as Chácaras Cruzeiro do Sul, bairro localizado nos fundos do Jardim Santa Rosa. O itinerário sem asfaltamento, obviamente, é muito menor que os das linhas 3.50 e 3.58, que cruzam a zona rural campineira nas Chácaras Gargantilha, Parque Xangrilá e Recanto dos Dourados, mas é um trecho considerável e suficiente para deixar o ônibus todo empoeirado.


Na volta feita durante a matéria, a maior parte dos passageiros já viajam em pé pois os assentos chegam no bairro todos sujos de terra da viagem anterior. Alguns já mais acostumados levam um pano para fazer a limpeza do assento disponível. O número de passageiros é grande e parte desce dentro do bairro mesmo, antes de chegar no terminal.

Várias vias do bairro são muito estreitas, fazendo com que o coletivo tenha que parar para esperar que o veículo no sentido contrário consiga passar. O bairro é composto basicamente por chácaras e algumas poucas empresas, mas todo o itinerário é sem asfaltamento. O único trecho com asfalto compreende o Jardim Santa Rosa e o acesso ao Terminal Campo Grande.

Não conseguimos verificar junto à Itajaí Transportes com qual frequência o coletivo tem que passar por manutenção, já que os veículos dessa linha são de grande rotatividade. Dificilmente há um veículo fixo na linha, e no dia da matéria estava o carro 2042, que frequentemente opera em outras linhas.

Da Redação ODC.

Outras notícias