Especial Transporte em Campinas 2 | Cruzamento da Av. Transamazônica continua caótico e sem obras

 Especial Transporte em Campinas 2 | Cruzamento da Av. Transamazônica continua caótico e sem obras

A obra do BRT na região da Avenida Transamazônica vai causar um enorme impacto no trânsito, porém até o momento nada foi feito para que a intervenção começasse. Na verdade, por ali foram feitas apenas as vigas dos viadutos, e só.

Ali é um importante ponto de conexão com a avenida John Boyd Dunlop e liga a região do Nóbrega com o Paulicéia e ajuda a desafogar o também complicado Balão do Londres, em frente ao supermercado Covabra.

Faltando menos de 170 dias para que toda a obra chegue ao fim, até o momento nada foi feito por ali. O trecho dali para o Covabra está quase finalizado pela construtora Construcap, porém liberaram apenas uma faixa. A prefeitura teve a capacidade de liberar apenas um sentido da via, deixando o resto ainda incompleto.


Uma obra da complexidade daquela leva pelo menos um ano para ser concluída com qualidade, o que não deverá acontecer. Para que alguma coisa comece por ali, dali pra frente já deveria ser concluído, porém a mão de obra que estava finalizando a obra nas imediações do Castelo Branco está a passos de tartaruga.

Isso evidencia a falta de organização da Emdec e o total despreparo técnico do secretário de transportes, Carlos José Barreiro, que liberou toda a obra de uma só vez mas sem aumentar a mão de obra, ou seja, com o mesmo número de pessoas, quis fazer a obra inteira. Quem sofre, como sempre, é a população.

Da Redação ODC.

Outras notícias