A importante e saudável relação entre os pais e a escola dos filhos

 A importante e saudável relação entre os pais e a escola dos filhos

São os pais que estabelecem os primeiros ciclos de aprendizagem em casa. Tendo assim, um papel tão importante quanto do professor na educação. Os responsáveis devem saber qual é o dever que compete a eles e à escola. Demonstrar interesse na vida escolar de seus filhos é muito importante para o progresso de aprendizagem, e às vezes, por conta da correria do dia-a-dia, acabam deixando esse momento de lado.

A instituição familiar não é o único canal pelo qual se pode tratar a questão da socialização, mas é, sem dúvida, um âmbito privilegiado, uma vez que este tende a ser o primeiro grupo responsável pela tarefa socializadora. Ela é o principal espaço de referência, proteção e interação dos indivíduos, independente da forma como se apresenta na sociedade, exercendo uma grande força na formação de valores culturais, éticos, morais e espirituais.

Devemos entender que o papel exercido pela escola deve ultrapassar o ensino pedagógico de sala de aula, e a família compreender que a sua responsabilidade devem ir além do simples sustento para seus filhos.


O ambiente familiar e a escola são parceiras fundamentais na criação de ações que ajudem as crianças no seu crescimento, não só físico, mas também intelectual, é de extrema importância que ambas sigam no mesmo caminho visando os mesmos princípios e critérios, bem como a mesma direção. A LDB 9394/96 – evidencia o conceito de educação como sendo além da educação formal, pois, é na família que a criança construirá valores que serão incorporados ao longo da vida, em que ocorre o primeiro processo de socialização que lhes permitirá traçar caminhos futuros.

A criança precisa sentir que é valorizada, que os pais se interessam pela sua vida escolar, e que estão sempre atentos a tudo o que acontece desenvolvendo assim até uma boa autoestima ela se sente apoiada e acolhida, quando seus pais se mostram interessados nesse processo de aprendizagem, mesmo que estejam longe de casa, pois a escola apresenta um mundo novo cheio de descobertas excitantes e prazerosas.

Os pais com seu vinculo afetivo e a escola coma a sua formação do saber sistematizado cognitivo, proporcionam a apropriação de uma proposta educacional , onde tem o proposito de incluir a família na questões educacionais dentro do âmbito escolar visando uma boa estruturação do saber.

É extremamente natural que a criança apresente algum tipo de dificuldade ao chegar a escola, por isso é fundamental que ambas estejam unidas para oferecer um ambiente acolhedor, lúdico com noções de valores.

As crianças devem contar com a ajuda da família para terem um olhar positivo em relação ao ambiente escolar, ajudando-os a compreender que na escola, além de adquirir conhecimentos necessários para a vida é um espaço que oferece momentos prazerosos .

O que vem acontecendo ultimamente é que as famílias muitas vezes, estão perdendo a noção da sua importância e estão deixando toda a responsabilidade de educar para a escola, sendo que a verdadeira educação se dá no seio da família, principalmente através dos exemplos vivenciados pelos pais e familiares próximos, exemplos que se tornam fatores importantes na formação da personalidade da criança.

É extremamente importante ressaltar que acompanhar a vida escolar dos filhos não significa necessariamente apenas cobrar, mas, é necessário estimular, motivar, valorizar, ensinar, conversar, prestigiar, discutir e ouvir.

Sendo assim, cada uma das partes fazendo o seu papel, juntos estaremos formando cidadãos conscientes e transformadores dessa sociedade, para um futuro melhor e por isso, podemos afirmar com certeza que Família e Escola é sim, a parceria que dá certo!

(*) Maria Cecília Generoso da Silva, Maria da Glória Alves Pereira e Marilza Mendes Castro da Nóbrega são professoras da CEMEI João Lopes da Silva

As informações são da Tribuna MT.

Outras notícias