Abertura de acessos do Campo Grande e Ouro Verde à Bandeirantes vira pauta eleitoreira


A ligação dos distritos do Campo Grande e do Ouro Verde com a Rodovia dos Bandeirantes voltou à pauta por conta do ano eleitoral. O prefeito Jonas Donizette disse quer vai falar com representantes da CCR AutoBAn para encontrar uma solução.

O problema é que a rodovia é do tipo classe zero, ou seja, deve ter o mínimo de entradas e saídas para que os veículos possam manter uma velocidade regular. No ano passado, o então governador Márcio França, tentando se reeleger, disse ao então vereador Rafa Zimbaldi, que ia autorizar a Artesp a construir as alças de acesso, com o objetivo de obter votos, porém isso não aconteceu.

Hoje deputado estadual, Rafa Zimbaldi tem dito em redes sociais que as alças de acesso já estão garantidas, porém isso não é verdade. Por enquanto não há nada confirmado. O que existe é um estudo em fase preliminar da construção de marginais de acesso pela Rodovia Adalberto Panzan, que dá acesso à Bandeirantes.

Zimbaldi tem feito afirmações com o intuito de conseguir votos para sua eleição como prefeito no final do ano, assim como fez no ano retrasado com a criação dos distritos do Campo Grande e do Ouro Verde, algo que não trouxe nenhum benefício efetivo para a população, apenas mais gastos, mas garantiu sua eleição como deputado estadual.

O governador João Doria está estudando um novo modelo, que poderia garantir acessos mais rápidos dos distritos à rodovia, evitando retornos pelo Centro ou pelos corredores BRT, mas por enquanto, como foi dito, não há nada confirmado e nem efetivo, por isso, muita atenção em pessoas que querem ganhar votos com esse assunto.

Da Redação ODC.

Conteúdo relacionado

Busque

Linhas de Campinas

Linhas de Paulínia

Linhas de Hortolândia

Linhas de Sumaré