Ao contrário do que Jonas disse, Campinas não vai receber mais 50 ônibus novos em breve

 Ao contrário do que Jonas disse, Campinas não vai receber mais 50 ônibus novos em breve

O prefeito Jonas Donizette continua dando declarações que não fazem o menor sentido. Ainda no dia da inauguração da primeira estação do BRT Campo Grande, no mês passado, durante aquele discurso “memorável”, cheio de pérolas, o prefeito disse que Campinas ia receber em breve mais cinquenta ônibus com ar condicionado. Sem saber dessa informação, o ODC foi atrás para saber se realmente era verdade.

Em contato com montadoras e pessoas ligadas ao setor de transporte a nível nacional, o ODC descobriu que mais uma vez o prefeito estava errado: não há nenhuma encomenda de novos ônibus para a cidade de Campinas. O último lote que chegou foi o de 125 unidades adquiridos pela empresa VB3 apenas por iniciativa da própria viação, que estava com uma frota muito velha e precisava de uma renovação até para reduzir o índice de quebras.

Agora, a questão é saber de onde Jonas tirou que vão chegar mais 50 novos ônibus na cidade. Ele foi um dos prefeitos que menos entregou ônibus novos e ainda faz questão de mentir apenas com o intuito de inflar algo que não é um feito seu. Se as empresas não vão comprar mais novos ônibus em curto prazo, as cooperativas tampouco. Os cooperados estão trazendo ônibus velhos para circular até 2022, quando acaba o contrato deles. Por isso, acham que não compensa trazer veículos zero para rodar menos de três anos.


Quem tiver esperando pelos cinquenta ônibus jonistas, pode sentar pois em pé, vai cansar.

Da Redação ODC.

Outras notícias