Como identificar a candidíase durante a gravidez, enfermidade que atinge 75% das mulheres

 Como identificar a candidíase durante a gravidez, enfermidade que atinge 75% das mulheres

Durante a gestação a mulher sofre naturalmente com um aumento do volume de sangue nos órgãos genitais e dos níveis de estrogênio. Como também há uma mudança na alimentação, o fungo Cândida, que faz parte da flora natural do organismo, encontra nestas condições o ambiente perfeito para se instaurar, dando início a um processo de infecção: a candidíase.

O problema tem como principais sintomas a coceira, corrimento branco e espesso, vermelhidão e inchaço, e pode se manifestar, além da vagina, na boca, esôfago, pele e outros locais do corpo.

“Desenvolver a candidíase é muito mais comum do que a maioria das pessoas imagina. Estima-se que 3 em cada 4 mulheres terão um episódio de candidíase ao menos uma vez na vida. Isso não compromete a gestação, mas sua existência propicia a entrada de diversas outras bactérias no organismo e estas sim podem causar problemas para a mãe e para o bebê”, comenta o Dr. José Bento, médico ginecologista e obstetra.


Ainda segundo o especialista, é importante seguir a orientação de um profissional tanto para diagnosticar o problema quanto para indicar a melhor forma de combatê-lo. “Principalmente neste período, a mulher deve procurar logo o seu médico para indicação do tratamento ideal para sua fase da gravidez”, alerta.

Outras dicas para evitar a contaminação:

• Evite alimentos ácidos, gordurosos e carboidratos;
• Não use calças apertadas;
• Prefira as calcinhas de algodão;
• Evitar produtos com perfume.

Para esclarecer essas e outras dúvidas, o Dr. José Bento compartilha dicas no Papo de Consultório, uma série de vídeos disponíveis na página #SemTabu do portal de Gino-Canasten®. Para mais informações, acesse: https://www.ginocanesten.com.br/pt/sem-tabu/

Saiba mais sobre marca Gino-Canesten®
A marca Gino-Canesten® possui uma linha completa de tratamento para a Candidíase, sendo a primeira marca isenta de prescrição do mercado. Seus produtos são parceiros importantes das mulheres para o tratamento da infecção vaginal. O princípio ativo de seu tratamento é o Clotrimazol, amplamente utilizado para tratamento de fungos. Gino-Canesten® está disponível na apresentação de creme vaginal para tratamentos de três ou seis dias, indicado para mulheres que sofrem de ressecamento vaginal, sendo o creme com menos dias de tratamento do mercado.

Outras notícias

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *