Dia do Aposentado: Veja seus direitos no transporte de Campinas e vagas exclusivas

·

·

·

Tags:

Nesta quarta-feira, dia 24 de janeiro, é celebrado o Dia Nacional dos Aposentados. E alguns direitos podem ajudar quem chegou a esta fase da vida a aproveitar ao máximo as atividades disponíveis pela cidade. É o caso do acesso dos idosos às vagas exclusivas de estacionamento e ao Bilhete Único Idoso.

Moradora da Vila Itália, a aposentada Rosa Aparecida Vedovatto, de 75 anos, conta que tem o Bilhete Único Idoso há dez anos e sempre usou as linhas convencionais. “Agora uso bastante o BRT, pela Estação Alberto Sarmento, que fica perto de casa. É rápido e não demora para vir”, conta, sobre o meio de transporte escolhido para seus passeios ao Centro e as idas ao supermercado. Ela ainda incentiva que outros idosos usem o BRT. “Tem muita gente com mais idade que fica só em casa e tem medo, acha que é muito rápido, mas é tão simples”, explica.

O transporte público também está na agenda de Rosa todos os domingos, quando vai à missa na Paróquia Santa Catarina de Alexandria, na Vila Teixeira, em ônibus convencional, acompanhada da vizinha e amiga, também aposentada e parceira de passeios pela cidade. Rosa também se mantém ativa com deslocamentos a pé. Exemplo disso é a sua ida semanal à Praça de Esportes José Gentil Franco de Campos, na Vila Proost de Souza, onde faz aulas da prática chinesa Lian Gong.

Elaine Acorsi, coordenadora da área de Atendimento e Expediente da Empresa Municipal de Desenvolvimento de Campinas (Emdec), explica que é simples fazer a retirada do Bilhete Único Idoso e da credencial de vaga exclusiva. “É importante que o idoso tenha acesso a este direito. Ter mais liberdade e comodidade para circular é, também, um incentivo à vida ativa e à socialização, mantendo a integração entre cidadão e cidade durante a aposentadoria”, avalia.

Credencial para vagas exclusivas é solicitada on-line

Desde 2019, quem reside em Campinas pode solicitar e imprimir o cartão de estacionamento para vagas exclusivas pela internet, com todas as etapas on-line, sem precisar comparecer presencialmente à Emdec.

O processo pode ser realizado pelo site da Emdec, clicando no botão de acesso direto “Vagas Exclusivas”. Também é possível fazer a solicitação pelo aplicativo Emdec, disponível para Android (Google Play) e iOS (App Store), em botão com o mesmo nome usado no site.

A credencial para idosos pode ser requerida por quem tem 60 anos ou mais. Para o cadastro, é preciso informar nome, filiação, data de nascimento, sexo, Carteira de Identidade (RG), Cadastro de Pessoa Física (CPF), endereço, telefone e e-mail. A credencial é emitida apenas para residentes em Campinas, mas pode ser usada em todo o território nacional. A renovação precisa ser feita a cada cinco anos, no mês de aniversário do usuário.

Primeira emissão do Bilhete Único Idoso é gratuita

Já quem tem mais de 65 anos de idade, além da vaga exclusiva, também tem acesso ao Bilhete Único Idoso em Campinas, desde 2006. O cartão é opcional, já que, por lei, idosos podem viajar de forma gratuita, apresentando o RG.

Mas o uso do Bilhete Único é recomendável, já que ele facilita e agiliza o acesso aos ônibus e auxilia o controle da demanda de idosos pelo transporte público, o que permite um melhor planejamento da mobilidade. O cartão pode ser usado em todos os veículos do Sistema Intercamp, sem limite de viagens e integrações, e a primeira emissão é gratuita.

É possível realizar o cadastro pelo aplicativo Transurc Serviços, ou presencialmente, na sede da Transurc, na rua Onze de Agosto, nº 757, no Centro. O atendimento ocorre das 8h às 18h, de segunda a sexta-feira, e o cartão fica pronto na hora. É preciso apresentar RG, comprovante de residência em Campinas e indicar um telefone.

As informações são da Prefeitura de Campinas.
Leia também:
Confira lista atualizada de bairros de Campinas com grande incidência de dengue